quinta-feira, 19 de abril de 2012

A ERA DO FREESTYLE (FUNK MELODY) NO CONTEXTO DOS BAILES FUNKS CARIOCAS

ESSA MATÉRIA FOI EXTRAIDA DO BLOGGER DO HUMBERTO DISCO FUNK.
O INGRESSO DO FREESTYLE NOS BAILES FUNKS CARIOCAS
MATÉRIA: BY FUNK GIL
Hoje, pelo facebook, abri uma publicação indagando sobre o ingresso do Freestyle nos bailes funks cariocas, procurando dessa forma, elucidar vários questionamentos sobre o assunto e, como não poderia ser diferente, a interação foi imediada, com vários amigos participando do tema. Dentre todos os comentários, sem desmerecer os demais, destaco as ricas linhas do meu amigo de longas datas, Mr. Funk Gil, profissional que acompanhou de perto toda essa trajetória. Com vocês, maestro Funk Gil !
Que eu lembre, o primeiro sucesso nesse segmento a acontecer nos bailes foiParty your body – Stevie B, no meio do ano de 1987. Não era uma música de meio de baile, era algo pra começar a levantar pista. Não lembro quem tocou primeiro. Sei que todo mundo tocou muito isso naquele ano. Mas o primeiro cara a abraçar e tocar esse segmento foi o Adriano ( Live ).

Em 1988, quando o programa Clima dos Bailes do Luiz Carlos Nascimento estreiou na Rádio Imprensa, o Adriano era o DJ. Ele começava o programa com esse estilo. Ele tinha coisa bizarras desse estilo, como Jasmin ( não Jasmine ) e outros que nem lembro. Um dia fui lá e ele me disse: se você arrumar ou tiver algo desse estilo eu compro. Eu achei um disco perdido em casa que nunca toquei chamado C- Bank – One More Shot, o disco era de 1983. Levei pro Adriano e ele tocava. Johnny- o – Fantasy Girl , ouvi com ele também pela primeira vez. Em 1988, surgiu o LP do Stevie B, com 3 faixas de sucesso. E depois o 12” de Spring Love e Hassan. Só que isso era musica de inicio de baile.

No final de 1988 um DJ ( Ricardo Bunda [ sim era esse seu pseudônimo ] ) que tocava naquelas boates de baixo nível da zona sul, me deu uma fita que uma garota de programa trouxe de Miami gravada de uma radio. Ficou lá em casa até o inicio de 1989. Um dia escutei a tal fita. Era de um programa de pop de um lado do outro era de um tal de Tony de Tiger da radio Power 96. Só tinha freestyle na programação do cara. Cada mixagem muito louca com bpm a mil.
Nessa época o Tony Minister viajava constantemente e descobriu umas 3 musicas dessa fita que vendeu muito : Tolga – Lovin fool , Stephanie - Get Away e Samuel – Open your eyes. 1989 foi a consagração desse segmento no meio dos bailes. Samuel – Open your eyes foi a musica desse ano. Nesse mesmo ano a Adriano fez sua primeira viajem para o exterior e trouxe o Index – Give me a signe outros que a memória me trai agora. Ele foi o primeiro cara a trazer esse 12” , na primeira prensagem de selo vermelho.

Em 1990 a tal freestyle deixou de ser musica de inicio de baile e virou bola da vez com Tony Garcia – just like a wind , Nyasia - Now And Forever e dezenas de outras mais que se eu descrever vai dar um livro. A febre do freestyle dourou até 1992. Depois os bailes do Rio os sucessos foram “made in Brazil”.


Curiosidades :


- Quem criou a expressão “funk melody” foi o Pedro Paulo ( Pepê ). Fui testemunha disso. Já nos final da era *malodromo ele chegou com o 12” Lil Suzy - Take Me In Your Arms e perguntei se era bom. Ele disse : leva depois me dá um disco é um estilo diferente é como um “funk melody”. Aí o termo pegou. Tem discos do Tony Garcia com versões “funky melody”. Esqueci quais são mais tem , acho que é o NV. Não tenho certeza pra afirmar nesse momento.


- Os discos de freestyle que mais sobreviveram as mudanças e tocam até hoje como algo “eterno” são: Stevie B – Spring Love e In my eyes , Hassan – Pump the party e Samuel – Open your eyes. Foram incluídos em montagens, em letras de Mcs Brasileiros e até a nova geração com 18 dança quando toca. Esse hits tem mais de 20 anos.


* Malodromo – Ponto de encontro de DJs, Pseudo DJs e curiosos criado entre 1985 e 1992 no largo da Carioca no centro do Rio de janeiro.

Nenhum comentário: