quarta-feira, 12 de novembro de 2008

DANCE MUSIC DOS ANOS 70: ANDREA TRUE CONNECTION

Andrea True Connection
Andrea começou a carreira no início dos anos 70 como atriz pornô, usando os pseudônimos Singh Low, Inger Kissen e Andrea Travis.

Em 1975, quando trabalhava na Jamaica em mais uma "produção", Andrea teve seu cachê abocanhado pelo governo local, que proibiu a retirada de dinheiro do país. Seu amigo e produtor Gregg Diamond viajou de New York até a Jamaica para ajudá-la. Foram para um estúdio, onde Gregg escreveu e Andrea gravou a canção "More, More, More". Curiosamente, ela achava que a gravação ainda era um teste para ajustes dos equipamentos, mas já era pra valer.

Ao retornar a New York, Gregg Diamond pediu ao DJ Tom Moulten para criar um remix com a base da gravação. O remix foi lançado logo em seguida e rapidamente invadiu as pistas de dança da "Big Apple", onde ecoava o trumpete marcante de Gregg. A música também entrou na parada Billboard.

Aproveitando o sucesso do remix, Gregg Diamond escreveu mais 4 canções e o álbum foi lançado ainda em 1976. Andrea continuou gravando seus "filmes", agora cobrando muito mais.

Em 1977, lançou White Witch, segundo álbum, produzido por Gregg Diamond e Michael Zager (aquele de "Let´s all chance"), destacando-se as faixas "N.Y. You Got Me Dancing" e "What's Your Name, What's Your Number".

Entre 1978 e 1980, Andrea se dedicou somente aos "filmes" e ficou um longo período sumida, sendo alvo de vários rumores. Em 2000, ela reapareceu em uma entrevista para o canal de TV americano VH-1, quando falou sobre a era da Disco Music e também sobre a popularidade de "More, More, More" até hoje.


Fonte: Ricardo Marques, de Los Angeles

Nenhum comentário: